Header Ads

Fear the Walking Dead - 1ª temporada

O derivado Fear The Walking Dead tem muitas semelhanças com a mãe, The Walking Dead, incluindo o baixo impacto da primeira temporada. Assim como a mãe, Fear vale muito mais pelo potencial que seus personagens ainda poucos explorados podem produzir do que de fato foi esse ponta pé inicial. Vale continuar vendo a série para acompanhar para onde os produtores vão levar a narrativa, seja para mais do mesmo ou quem sabe seguir a ótima proposta com o viciado Nick Clark, interpretado pelo bom Frank Dillane. Copiando novamente a mãe, Nick é a melhor coisa da série, assim como o xerife Rick também foi a melhor coisa da primeira temporada de Walking.

Temos em Fear o começo da contaminação e o primeiros casos de zumbis que, em pouquíssimo tempo, tornam cidades da Califórnia em um pandemônio. A série foca excessivamente na família de Kim Dickens e Cliff Curtis, algo que também ocorre em Walking, e deixa em segundo plano os impactos socais do começo da epidemia. Mesmo a fuga de Curtis com o filho e a ex-esposa para uma barbearia durante um protesto, não tem o peso necessário para uma ampla reflexão sobre o comportamento social diante de situações extremas. O espectador se interessa pelo personagens e seus dramas, mas soam parecidas demais com os dramas já vividos em Walking. A carga dramática tem um tratamento mais sofisticado, vide o interessante paralelo entre o mundo sombrio e solitário de Nick, viciado em drogas, e o novo cenário apocalíptico zumbi. Com mais tempo, é possível transformar esse bonito pé de laranjas em deliciosos refrescos. Vamos esperar as laranjas crescerem mais.

No fim das contas a primeira temporada de Fear the Walking Dead termina melhor que a primeira de The Walking Dead. O que não é lá um grande elogio. Como também teve apenas seis episódios, foi basicamente uma prévia. Não foi sensacional, mas merece um voto de confiança e, assim como na série mãe, a segunda temporada costuma ser muito melhor. É esperar e conferir. Quem sabe os produtores, um dia, fazem a família de Curtis esbarra com a família do xerife Rick. Mas é preciso ser mais cruel, afinal, não se trata de um série de zumbis, mas de pessoas que precisam fazer de tudo, tudo mesmo, para ser manterem vivas. É isso que me deixa vidrado no próximo passo da família do xerife Rick.



Fear the Walking Dead - 1ª temporada (2015)
Criação: Dave Erickson, Robert Kirkman
http://www.imdb.com/title/tt3743822/


  Gilvan Marçal - gilvan@gmail.com
-
-
Tecnologia do Blogger.