Header Ads

No Coração do Mar


Curioso como essa deliciosa aventura do navio baleiro Essex, que serviu de inspiração para o escritor Herman Melville escrever o clássico Moby Dick, não fez o sucesso e barulho que merecia. No Coração do Mar  tem um tom ar dramático que soa morno até a aparição do seu protagonista, a tal baleia, que não era totalmente branca e que ganhou mais tarde a fama de Moby Dick.

De certa forma torcemos pela baleia assassina, o que é um aspecto bem interessante. Antes do primeiro ataque acompanhamos os marujos do Essex capturando e executando uma baleia a fim de retirar o tão rico óleo, que no século XIX era utilizado como combustível para iluminação de casas e ruas. A crueldade para sacrificar a baleia (era uma modo de sobrevivência à época) nos afasta de uma maior aproximação com os personagens. Tão logo Moby Dick mostra a que veio pensamos: fizeram por merecer.

Ron Howard (O Código Da Vinci) apresenta uma direção elegante, ainda que a grande maioria das cenas sejam demasiadamente carregadas de computação gráfica. Saliento, ótimos recursos de CG. Outro ponto forte é a ótima maquiagem dos marujos náufragos por meses no mar. No Coração do Mar cumpre o que se propõe: contar a história que inspirou um dos monstros mais temidos da literatura mundial. Faz isso em um filme saboroso, sem firulas e consegue nos "fisgar" o tempo que precisa. Quisera eu, que a natureza vingativa de Moby Dick desse alguns esbarrões nessa humanidade que insiste em trilhar o caminho mais fácil e prejudicar a saúde da nossa casa, o planeta Terra.



No Coração do Mar (2015)
Direção: Ron Howard
http://www.imdb.com/title/tt1390411/

  Gilvan Marçal - gilvan@gmail.com
-
Tecnologia do Blogger.