Header Ads

Jurassic World: O Mundo dos Dinossauros

Jurassic World: O Mundo dos Dinossauros é apenas um filme pipoca. E desde quando isso ruim? Há sempre uma grande expectativa com novos capítulos de franquias renomadas, mas no fundo os estúdios desejam mesmo é realizar um longa funcional e que renda uma excelente bilheteria. Sim, eles conseguiram o objetivo: divertiram o público por 124 minutos e ficaram ainda mais ricos. Pena que daqui alguns anos ninguém vá se lembrar desse filme. Opa, talvez se lembre, quando Chris Pratt se tornar um grande astro e associarem sua carreira a esse quarto episódio da saga dos dinossauros nas telonas.

Após a ótima aparição de Pratt em Guardiães da Galáxia, aqui ele rouba o filme novamente e carrega nas costas. Tem-se ainda a discutível ruivinha Bryce Dallas Howard, que só será lembrada por correr, correr, correr e depois aparecer na cena seguinte com um gigantesco salto alto. Ué, como ela conseguiu fazer isso? Ah, deixa pra lá... isso realmente importa?

O destaque fica para os excepcionais efeitos gráficos, sobretudo na composição das cenas de ação. É uma obra admirável a batalha final do dinossauro modificado geneticamente contra o famoso T-Rex.  Dirigido pelo pouco conhecido Colin Trevorrow, que fez o maluco Sem Segurança Nenhuma, o sujeito se deu bem e fez uma peça de entretenimento bem feita. Tem lá seus errinhos no roteiro e a comum falta de profundidade dos personagens. Não entendi desperdiçar o talentoso Vincent D'Onofrio em um vilão, que a meu ver, nem precisa existir. Poxa vida, o vilão é o dinossauro, não preciso de mais nada. Mas o que interessa mesmo é ver os velociraptors correndo e atacando de forma coordenada. Esse capítulo perde uma grande oportunidade de discutir os limites das alterações genéticas, algo que está acontecendo pelo mundo, sobretudo na agricultura, e pouco se debate sobre o tema. O que importa aqui é se divertir e ganhar dinheiro. Para alguns é pouco. Pra mim apenas estratégia de uma indústria que respeito e fica mais rica a cada ingresso que compro. Ficarão mais ricos se outros filmes jurássicos vierem.

Nota para a versão 3D, clara, bem feita e sem exageros. Eu raramento gosto de 3D. 



Jurassic World: O Mundo dos Dinossauros (2015)
Direção: Colin Trevorrow
http://www.imdb.com/title/tt0369610/

   The Lazarus Effect
(2015) on IMDb 

Gilvan Marçal - gilvan@gmail.com
-
Tecnologia do Blogger.